Biografia Filipe Gonçalves Mélo.

Biografia Filipe Gonçalves Mélo.
Filipe Gonçalves Vieira Mélo.Autodidata. Pintura à óleo abstrata em vários tamanhos até 2mx3m. Desenho com pintura. Desenhos em A 4. Exposição na Mostra Morar mais por Menos RJ e Feira Reacess RJ. Entrevista na GNT. Parque das Ruínas. Santa Teresa RJ.Revista:Entender a mulher. Editora Moi SP.Exposição na morar por Menos Lagoa RJ. Correio da Manhã- Portugal. Coluna. Lídia Soares.Revista Época . Entrevista Cristiane Segatto.

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

O QUE UM AUTISTA PODE FAZER, QUANDO SE FALA DE TRABALHO?

 O que voce acha que um autista pode fazer? Digo isso quando me refiro a um trabalho.
E também me refiro a um autista com dificuldades de fala e interação social.
O que ele poderia fazer na questão do trabalho?
Sabemos que com um autista com dificuldades assim, não poderia exercer uma atividade onde envolva estas habilidades. A arte no entanto, poderia se tornar um caminho para eles. Na arte eles poderiam até expressar
seus sentimentos e assim abrir um diálogo com a sociedade .A pintura pode ajudar a expressar estes sentimentos. Mas não seria apenas a pintura à óleo. A arte é flexível e se insere em tudo a nossa volta. Pinturas podem ser feitas em tecido,paredes,cerâmicas,folhas de caderno, na argila etc.
Que tal ensinar seu filho com autismo a pintar em tecidos?Existem muitas grifes que gostam de um trabalho mais artístico e personalizado.
A tela para silk-screen no começo não precisa ser grande para o autista aprender.
 Silk-screen. Uma mãe habilidosa pode ajudar seu filho com este método. No começo não é preciso nada especial, riscos aleátórios podem se tornar uma estampa. O importante é que o autista veja que o que fez está sendo usado. Voce pode fazer uma blusa ou uma bolsa com a pintura que ele fez. Isto desperta nele um novo estado mental. Se ele não se adptar tente Pintura com spray, na parede, em tecidos,madeira. Elogie cada tentativa dele e o encentive a continuar. Não pode ser forçado, vá com calma aos poucos...
 Carga horário para quando conseguirem um emprego: O empresário empregador precisa estar atento a este detalhe e ser flexível.
Um autista não gosta de estar preso, Ele não pode cumprir uma carga como um trabalhador comum.
Os empresários que os empregam tem que estar ciente, que além do emprego ele está  ajudando de uma forma muito especial, o está introduzindo num mundo que ele tem medo e foge.
Encontrar um empresário assim no Brasil é quase impossivel, mas a gente vai tentando conscientizando esta classe.
E para mostrar a sensibilidade ímpar artística de um autista, gostaria de mostrar um grande autista artista do Rio de Janeiro. Ele canta de uma forma muita linda Saulo Laucas é tenor, autista e cego. Cursa a faculdade de música da UFRJ.Dá vontade chorar ao ve-lo cantar. Confiram no video a sua emocionante voz!
Beijos Á Todos!
Ray